Quem somos

Hoje

O Lar São Domingos é uma sociedade sem fins lucrativos, de utilidade pública, através da Lei nº 2512 de 28/12/1962, registrada no Conselho Nacional de Assistência Social (Cnas), sob o nº 5574/38, como Entidade de Fins Filantrópicos desde 30 de abril de 1997.

Ele funciona de segunda a sexta, das 7h às 17h, com ações promocionais de apoio sociofamiliar, amparando crianças e adolescentes de diversas áreas de vulnerabilidade social de Maceió, tanto nos aspectos material, moral e social, como também espiritualmente.

A instituição atende atualmente cerca de 250 famílias e 500 jovens, com idade de 6 a 17 anos, que recebem reforço escolar – no contra turno da escola formal – e duas refeições básicas. Além disso, eles são estimulados diariamente com atividades culturais, artísticas e esportivas.

Diversos projetos desenvolvidos em parceria com outras instituições e empresas, como o Programa Aprendiz, têm aberto as portas do mercado de trabalho para esses adolescentes e promovido a geração de renda dessas famílias, com cursos de capacitação em diversos setores, como hotelaria, alimentação, administrativo, entre outros.

Oriundos dos bairros de Jacintinho e Cruz das Almas – mais especificamente das grotas do Cigano, do Rafael, do Arroz, Aldeia do Índio, Novo Horizonte e Morro do Ari, mais de mil pessoas são beneficiadas, direta e indiretamente, todos os meses pelo Lar São Domingos.

Ontem

Fundado a 3 de agosto de 1919, como uma sociedade filantrópica voltada ao acolhimento de menores carentes em regime de internato, o então “Orphanato” São Domingos passou por um reordenamento institucional em 1995, com a implantação do Projeto Ninho de Pássaro, passando a se chamar “Lar” São Domingos.

Ancorado nos fundamentos filosóficos do Lar Fabiano de Cristo (RJ), o reordenamento institucional teve como princípio “nenhuma criança pode ser afastada de sua família por causa da pobreza”, sendo, portanto, extinto o regime de internato e implantado o atendimento em meio aberto a crianças de ambos os sexos.

Premiação            

Em 1997, o Lar São Domingos foi o grande vencedor do Prêmio Itaú/Unicef (concedido bianualmente às melhores ações desenvolvidas no País, no âmbito da educação e da inclusão social), com o Projeto “Ninho de Pássaro, Criação, Construção e Exercício de Cidadania”, implantado em 1995.

Missão

O Lar São Domingos adota a causa do “serviço constante e construtivo pela fraternidade universal”, ensinada por Fabiano de Cristo. Seus trabalhos visam promover o ser humano em situação de miséria social, atendendo às suas necessidades básicas como estratégia de sobrevivência.

Sua meta, no entanto, é prover o indivíduo de meios pelos quais ele possa se inserir dignamente na sociedade, num contínuo processo de educação do Ser, fundamentada no exercício do amor, da alteridade e da justiça.

Sua missão é a promoção sociofamiliar, através de crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, amparando-os nos aspectos material, social, moral e espiritual, com vistas à educação integral do ser.