Lar São Domingos inicia o ano com casa cheia e campanha por caderno

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Os professores de Karatê, futebol de salão, teatro, canto coral e banda fanfarra já iniciaram as suas aulas, esta semana, e estão expandindo o número de alunos, com a chegada dos novatos. Embora ainda estejam se adaptando, muitos já estão conhecendo esses grupos de atividades artísticas e esportivas de educação complementar do Lar São Domingos para decidirem em qual vão se engajar a partir de março.

Ao todo, 500 crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos, vão frequentar a sociedade filantrópica, este ano. Os jovens que deixaram a instituição em 2016, com a conclusão da sua participação no Programa Aprendiz – e aqueles que, por motivos vários, não conseguiram continuar frequentando regularmente as aulas -, tiveram suas vagas preenchidas pelo cadastro reserva.

Só o reforço escolar, que também faz parte das atividades regulares do prédio de educação complementar do Lar São Domingos, Casa de Noemi, ainda não foi iniciado. Segundo a coordenadora pedagógica da instituição, Liliane Araújo, essas aulas foram adiadas porque o número de cadernos ainda é insuficiente.

“Nós estamos fazendo uma campanha para arrecadação de novos cadernos de 10 matérias a fim de suprirmos todas as turmas. Durante o ano, cada criança faz uso de 2 cadernos de 10 matérias, um por semestre. Esperamos estar com todo o material pronto até março, quando o reforço escolar será iniciado”, concluiu a pedagoga.

As doações podem ser entregues na recepção do Lar São Domingos, em Mangabeiras. Quem preferir, pode doar o valor equivalente na conta da instituição no Banco do Brasil, n° 126.000-6, agência 1523-7.

Os comentários estão encerrados.